Musicalidade e espetacularidade no Duelo de MC’s

Maurilio Andrade Rocha

Resumo


Este trabalho relata o estudo etnográfico sobre o Duelo de MC’s, realizado nas noites de sexta feira, desde 2007, sob o viaduto de Santa Tereza, na cidade de Belo Horizonte, Brasil. O evento reúne a cada semana um público de cerca de 1500 pessoas em torno de manifestações da cultura Hip Hop. Na atração principal da noite, quatro duplas de MC's duelam em rounds de um minuto. O público presente, formado principalmente por jovens de diversas camadas sociais, escolhe os vencedores através de gritos e palmas. Fora do palco, o evento é marcado por conflitos entre os organizadores e o poder público, mas a plateia se diverte calorosa e pacificamente. No palco, os duelos são marcados por Raps improvisados, recheados de expressões de violência. Ao final de cada duelo os MCs se cumprimentam, deixando claro que ali a violência se circunscreve apenas ao jogo de palavras. O Duelo de MC’s é uma prática espetacular onde a convivência humana se faz rica em diversidade, conflitos e contradições. Onde a música e a performance dos duelistas nos permitem interpretar o cotidiano da cidade, marcado pela desigualdade social e pela busca de afirmação de identidades através de manifestações culturais.

Palavras-chave


Duelo de MC’s; Conflito; Identidade.

Texto completo:

PDF

Referências


CAMPOS, A. Do quilombo à favela. A produção do espaço criminalizado no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007.

CARRIL, L. Quilombo, favela e periferia. A longa busca da cidadania. São

Paulo: Annablume, 2006.

FELD, S. A Rainforest Acoustemology. In The Auditory Culture Reader, Michael Bull e Les Back, Eds., 223-240. Oxford, New York: Berg, 2003.

HERSCHMANN, M. O funk e o hip-hop invadem a cena. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2005.

NAPOLITANO, M. Seguindo a canção. Engajamento político e indústria cultural na MPB (1959-1969). São Paulo: Editora Annablume. 2010.

PALOMBINI, C. Soul brasileiro e funk carioca. Opus, Goiânia, v. 15, n. 1, p. 37-61, jun. 2009.

SILVA, J.S.; BARBOSA, J.L. Favela. Alegria e dor na cidade. Rio de Janeiro:

Editora Senac Rio, 2005.

VALLA, V. V.; STOTZ, E. N.; ALGEBAILE, E. B. Para compreender a pobreza

no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Contraponto. 2005.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2176-9516

Fomento à pesquisa e apoio