Performance pedagógica – um ritual de incorporação docente

Jessica Gonçalves Lima

Resumo


Performance pedagógica é um recorte da proposta de dissertação de mestrado da presente autora. Pretende-se fundamentar e apoiar-se nas restaurações comportamentais que se instauram nessa respectiva docência como forma performática para estabelecer uma condição de proximidade dos sujeitos envolvidos. Afirmando, demarcando e compondo a viabilidade de um processo educacional que seja transmitido pelo princípio da troca: doar, transferir e transformar o conhecimento em Dança.

Palavras-chave


Performance. Ritual docente. Escola. Educação de jovens e adultos. Dança.

Texto completo:

PDF

Referências


ALTHUSSER, Louis. Aparelhos Ideológicos de estado. 3a edição. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1987.

ARENDT, Hannah. The human condition. 2. ed. Chicago: University of Chicago Press, 1998.

CARVALHO, C; IMMIANOVSKY C. PEBA. A arte e a pesquisa em educação. Revista Reflexão e Ação, v. 25, n. 3, p. 221-236, Set/ Dez.2017.

IRWIN, Rita L.; SPRINGGAY, Stephanie. A/r/tografia como forma de pesquisa baseada na prática. In: DIAS, Belidson; IRWIN, Rita L. (Org.). Pesquisa educacional baseada em arte: a/r/tografia. Santa Maria: UFSM, 2013. p. 137-153.

LEPECKI, André. Coreo-política e coreo-polícia. Ilha Revista de Antropologia, Florianópolis, v. 13, n. 1,2, p. 041-060, jan. 2013. ISSN 2175-8034. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/ilha/article/view/2175-8034.2011v13n1-2p41. Acesso em: 15 mar. 2019. doi: https://doi.org/10.5007/2175-8034.2011v13n1-2p41.

LIGIERO, Zeca. Corpo a corpo – estudos das performances brasileiras. Rio de Janeiro: Garamond, 2011.

MACKENZIE, John. Performance y globalización. In: TAYLOR, Diana; FUENTES, Marcela. Estudios avanzados de performance. México: Fondo de Cultura Económica; New York: Hemispheric Institute Of Performance and Politics, 2011, pp. 431-458.

OLIVEIRA, M. A. T. (Org.). Educação do corpo na escola brasileira. Campinas: Autores Associados, 2006.

PEREIRA, Marcelo de Andrade. Performance e educação: relações, significados e contextos de investigação. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 28, n. 1, p.1-14, março 2012.

SANTOS, M. O território e o saber local: algumas categorias de análise. Cadernos IPPUR, ano XIII, n. 2, p. 15-26, 1999.

SANTOS, M. Território e sociedade: entrevista com Milton Santos. São Paulo: Ed. Fundação Perseu Abramo, 2000.

SCHECHNER, Richard. Restauración de la conducta. In: TAYLOR, Diana; FUENTES, Marcela. Estudios avanzados de performance. México: Fondo de Cultura Económica; New York: Hemispheric Institute Of Performance and Politics, 2011, pp. 31-49.

SCHECHNER, Richard; ICLE, Gilberto; PEREIRA, Marcelo Andrade. O que pode a performance na educação? Revista Educação e Realidade, v. 35, n. 2, p. 23-35, maio/ago. 2010. 14

SCHECHNER, Richard. Performance: teoria y práticas interculturales. Buenos Aires: Secretaria de Extensión Universitaria y Bienestar Estudantil Universidad de Buenos Aires, 2000.

SCHECHNER, Richard. Performance studies: an introduction. London: Rootledge, 2002.

TEIXEIRA, L.H.G. Cultura organizacional e projeto de mudança em escolas públicas: um estudo de escolas da rede estadual de Minas Gerais. Tese (Doutorado em Educação)– Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1998.

VINCENT, G.; LAHIRE, B.; THIN, D. Sobre a história e a teoria da forma escolar. Educação em Revista, Belo Horizonte, n. 33, p. 7-47, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2176-9516

Fomento à pesquisa e apoio