Grupo Experiência: Regionalismo/Nacionalismo no teatro paraense dos anos 1970 e 80

José Denis de Oliveira Bezerra

Resumo


O presente artigo propõe uma análise sobre a produção teatral brasileira, em Belém do Pará, a partir da discussão entre teatro e política, propondo um debate sobre o tema do Regionalismo/Nacionalismo, no sentido de pensar de que maneira os artistas de teatro de Belém, na década de 1970-80, procuraram pensar, (re) significar os sentidos de Amazônia; como a cultura e o ser paraense foram o ponto de partida para criar obras artísticas. Para essa análise, abordaremos alguns trabalhos do Grupo Experiência, fundado na final da década de 1960, e que vem, deste então, protagonizando essa produção teatral ligada às práticas culturais locais. Através desse grupo, quer-se pensar quais os sentidos das representações, da escolha em criar a partir da cultura local, para buscar compreender como o regionalismo, no teatro paraense nos anos 70 e 80, representa o lugar de resistência, de (re) signicação, de representação ou invenção da Amazônia, seja ela estética, política, etc.


Palavras-chave


Grupo Experiência. Teatro. Belém. Regionalismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ALBERTO, Raimundo. Aquarela Amazônica / Teatro - Vol.01. Rio de Janeiro: Taba Cultural, 2014.

BEZERRA, José Denis de Oliveira Bezerra. Teatro em Belém do Pará nas décadas de 1970 e 80: Grupo Experiência e o Regionalismo/Nacionalismo. In: Anais do 30° Simpósio Nacional de História - história e o futuro da educação no Brasil / organizador Márcio Ananias Ferreira Vilela. Recife: Associação Nacional de História – ANPUH-Brasil, 2019.

CZAJKA, Rodrigo. A Revista Civilização Brasileira: projeto editorial e resistência cultural (1965-1968). In: Revista de Sociologia e Política, Curitiba, v. 18, n. 35, p. 95-117, fev. 2010.

KÜHNER, Maria Helena. Reflexões sobre um teatro em tempo de síntese. In: Revista Civilização Brasileira, Ano IV, Caderno Especial nº 2, julho de 1969, p.19-47.

MICHALSKI, Yan. Do fundo do rio escuro. Jornal do Brasil, Caderno B. Rio de Janeiro, sexta-feira, 13 de fevereiro de 1981, p. 07.

MIRANDA, Vicente Chermont de. Glossário Paraense ou Coleção de vocábulos peculiares à Amazônia e especialmente à Ilha do Marajó. Belém: Universidade Federal do Pará, 1968.

PEREIRA, Suzane Cláudia Gomes. Tradição e contemporaneidade na cena amazônica: o espetáculo Ver de Ver-o-Peso do Grupo Experiência. Dissertação de Mestrado. Escola de Dança, Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia. Salvador, 2004.

S/A. Anuário Brasileiro de Artes Cênicas. Rio de Janeiro: FUNDACEN/MINC, 1981.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2176-9516

Apoio