Ensaio para o moderno: Álvaro Moreyra e seu Teatro de Brinquedo

Elen de Medeiros

Resumo


Resumo: Em vista de um processo de modernização que se desenvolveu ao longo de quatro décadas, intermitente e impreciso, que desencadeará na década de 40 o movimento amador responsável finalmente pela chegada da perspectiva de cena moderna nos palcos brasileiros, pretende-se neste artigo compreender a importância do movimento Teatro de Brinquedo, idealizado por Álvaro Moreyra, para o repensar da cena e da dramaturgia. Nesse sentido, propõe-se um olhar contextual tanto do texto escrito para a inauguração do movimento – Adão, Eva e outros membros da família – bem como das ideias que pautaram seu idealizador na sua formulação estético-teórica.

Palavras-chave: teatro brasileiro; drama moderno; Álvaro Moreyra; Teatro de Brinquedo. 


Texto completo:

PDF