A construção do território cênico no processo criativo da dramaturgia aberta

Jamila Silveira Gontijo Piffer

Resumo


O espaço público como dispositivo no processo criativo da dramaturgia aberta. Este artigo analisa como a escolha por locais de encenação não convencionais influenciou a montagem e a construção das cenas do Coletivo Tombado em sua busca para a criação de um território cênico na peça Para Mahal.


Palavras-chave


Dramaturgia aberta. Território cênico. Coletivo Tombado.

Texto completo:

PDF

Referências


BOURRIAUD, Nicolas. Estética Relacional. Trad. Denise Bottmann. São Paulo: Martins, 2009.

ESPÍRITO SANTO, Denise; LOTUFO, Júlia. Corpografias Urbanas. Revista Brasileira de Estudos da Presença, Porto Alegre, v. 4, n. 1, p. 70-82, jan./abr. 2014. Disponível em: . Acesso em : 10 mar. 2016.

ICLE, Gilberto. Da performance na educação: Perspectivas para pesquisa e a prática. In: PEREIRA, Marcelo de Andrade. Performance e Educação: (des)territorializações pedagógicas. Santa Maria: UFSM, 2013.

MAZETTI, Henrique Moreira. Intervenção urbana: representação e subjetivação na cidade. Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação, v. 29, Brasília, 2006.. NP 21 - Comunicação e Culturas Urbanas, Encontro dos Núcleos de Pesquisa da Intercom, 6.

MENEZES, Márcio Nascimento. Dramaturgia aberta: dispositivo, abertura e participação. 124 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de Brasília. Brasília 2010.

MATTELART, Armand; NEVEU, Érik. Introdução aos Estudos Culturais. São Paulo: Parábola Editorial, 2004.

PROCESSO Criativo Para Mahal. Observações sobre a montagem da peça teatral do Coletivo Tombado. Blog. 2015. Disponível em: . Acesso em: 1 jun. 2016.

REIS, Demian Moreira. A Ação física e a composição do ator em Grotowski. Mimus -Revista on-line de mímica e teatro físico, Bahia, ano 1, n. 1, p. 31-52, 2009. Disponível em: . Acesso em: 02 fev. 2016.

RANCIÈRE, Jacques. El Espectador Emancipado. Buenos Aires: Manantial, 2010.

SOEIRO, Alberto Correa. O instinto da plateia: na sociedade do espetáculo. Brasília: Círculo de Giz, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


(c) Conceição | Concept., Campinas (SP) - ISSN 2317-5737.