A desmedida na medida de Natalia Leite

Edson Luiz André de Sousa - Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Resumo


Este texto aborda o trabalho de Natalia Leite, interna do Hospital Psiquiátrico São Pedro e que vem desenvolvendo um impressionante trabalho artístico. Suas obras são espécies de estiletes que buscam romper com os espaços de clausura da instituição psiquiátrica. Trago para conversar com   o trabalho de Natalia um poema de Rainer Maria Rilke intitulado “A pantera”, onde o poeta ensaia uma reflexão sobre os automatismo de repetição e os movimentos que temos que fazer para interromper o movimento de girar sempre  sob o mesmo ponto sem nunca sair do lugar.


Palavras-chave


Natalia Leite; Hospital Psiquiátrico; Rainer Maria Rilke.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.24978/mod.v2i3.2025

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 MODOS

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Sem derivações 4.0 Internacional.